Pesquisa Google

5 de mai de 2010

Como é mesmo que minha mãe dizia? Quem não é visto não é lembrado. Longe dos olhos, longe do coração. Pois é.



Caio Fernando Abreu

Nenhum comentário:

Postar um comentário